Exames de rotina

Exames de rotina

Será que a sua saúde está em dia? O seu organismo está equilibrado e pronto para combater vírus, bactérias e outros microrganismos? E suas taxas glicêmica e colesterol estão satisfatórias?

Pensando nisso, listamos os principais exames de rotina que devem ser feitos pelo menos uma vez por ano para cada etapa da vida.

Vale lembrar que embora não seja um exame, adultos e crianças precisam de outros cuidados médicos que são as vacinas. É fundamental manter a carteirinha de vacinação em dia!

Bebês e crianças

Nos primeiros dias de vida, o teste do pezinho é essencial porque ajuda a diagnosticar possíveis problemas genéticos. Dentre eles, anemia falciforme e hipertireoidismo. Caso o pediatra julgue necessário, ele poderá solicitar outros exames complementares.

Crianças e adolescentes

Deficiências nutricionais podem resultar em problemas no crescimento e, por isso, alguns exames específicos podem ser solicitados pelo pediatra.

Além disso, é comum os médicos solicitarem:

  • Urina – serve para investigar possíveis infecções, problemas renais, alteração na taxa de açúcar no sangue e perda de proteínas;
  • Ureia e creatinina – serve para investigar as funções dos rins;
  • Medição da pressão arterial– serve para medir a pressão arterial;
  • Exame de fezes – serve para indicar a presença de parasitas;
  • Plaquetas – serve para verificar o processo de coagulação sanguínea;
  • Hemograma – serve para diagnosticar a anemia;
  • Glicemia em jejum – diagnóstico e prevenção da diabetes;
  • TSH – serve para verificar se há problemas na tireoide;
  • Colesterol e triglicérides – serve para verificar o metabolismo de gorduras;

Exames para adultos

Entre 20 e 60 anos, alguns exames de rotina são essenciais para ter a certeza de que o organismo está bem. O ideal, é fazer um check up uma vez por ano.

Os exames mais solicitados são:

  • Sorológicos – serve para detectar presença de toxoplasmose, rubéola e hepatites (B e C);
  • Proteína C reativa (PCR) – serve para detectar doenças autoimunes;
  • Plaquetas – serve para verificar o processo de coagulação sanguínea;
  • Hemograma – serve para diagnosticar a anemia;
  • Glicemia em jejum – diagnóstico e prevenção da diabetes;
  • TSH – serve para verificar se há problemas na tireoide;
  • Colesterol e triglicérides – serve para verificar o metabolismo de gorduras;
  • Ureia e creatinina – serve para investigar as funções dos rins;
  • TGO e TGP – exames para verificar a saúde do fígado;
  • Ácido úrico – níveis alterados podem indicar hipertensão arterial, cálculo renal ou doenças cardiovasculares;
  • Homocisteína – ajuda no diagnóstico precoce de doenças cardiovasculares;
  • Eletrocardiograma – mede a atividade elétrica do coração;
  • Urina – serve para investigar possíveis infecções, problemas renais, alteração na taxa de açúcar no sangue e perda de proteínas;
  • Exame de fezes – serve para indicar a presença de parasitas;
  • Pesquisa de sangue oculto – serve para investigar doenças gastrointestinais;
  • Mamografia (para mulheres a partir dos 40 anos) – rastrear e diagnosticar câncer de mama;
  • Papanicolau (para mulheres) – serve para verificar alterações nas células do colo do útero, infecções por herpes e verrugas genitais.
  • PSA (para homens a partir dos 40 anos) –serve para diagnosticar e prevenir o câncer de próstata;
Exames para grávidas
  • Sorológicos – serve para detectar a presença de toxoplasmose, rubéola e hepatites (B e C);
  • Hemograma – serve para diagnosticar a anemia;
  • Glicemia – diagnóstico e prevenção da diabetes;
  • Urina tipo 1 –serve para investigar possíveis infecções urinárias;
  • Tipo sanguíneo – serve para determinar o fator RH;
  • VDRL – serve para detectar presença de sífilis;
  • HIV –serve para detectar presença da Aids;
Exames indicados a partir dos 60 anos

Depois dos 60 anos é comum que algumas doenças possam aparecer e, por isso, o cuidado com a saúde deve ser ainda mais intenso. Dessa forma é comum realizar os seguintes exames:

  • Hemograma – serve para diagnosticar a anemia;
  • Colesterol e triglicérides – serve para verificar o metabolismo de gorduras;
  • Glicemia – diagnóstico e prevenção da diabetes;
  • TSH – serve para verificar se há problemas na tireoide;
  • Ácido úrico – níveis alterados podem indicar hipertensão arterial, cálculo renal ou doenças cardiovasculares;
  • Urina – serve para investigar possíveis infecções, problemas renais, alteração na taxa de açúcar no sangue e perda de proteínas;
  • Exame de fezes – serve para indicar a presença de parasitas;
  • Eletrocardiograma – serve pra medir a atividade elétrica do coração;
  • Densitometria óssea – serve para diagnosticar osteoporose ou doenças que atingem os ossos;
  • Raio X do tórax – serve para investigar possíveis patologias;
  • Mamografia- rastrear e diagnosticar câncer de mama;
  • Ecocardiograma – serve para avaliar o funcionamento do coração.

Os exames de check up ajudam a identificar qualquer doença que muitas vezes, pode estarno início e não apresentam sintomas. Isso permite que o tratamento seja realizado antes de possíveis complicações.

Quanto antes um tratamento for iniciado, maiores as chances de cura! Por isso, é indicado ir ao médico pelo menos uma vez ao ano. Cuide-se.

Acesse nosso blog para ver nossos posts anteriores ou siga a gente nas redes sociais: FacebookInstagramLinkedIn e Twitter.

Comentários
Mostrar Comentários

Ainda não temos nenhum comentário para este artigo.
Seja o primeiro utilizando o formulário abaixo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *