Natal: história, simbologia, cores e presentes

Você sabe como é comemorado o ano novo em outros países? 1

O Natal acontece no dia 25 de Dezembro, data que comemora o nascimento de Jesus Cristo. Por isso, em vários locais do mundo é um feriado religioso.

A origem da data se deu em festas pagãs da antiguidade quando os romanos celebravam a chegada do Inverno. Para cultivar o Deus Sol, eram realizadas festividades, na busca pela renovação.

Foi apenas a partir do século IV, que aconteceu a consolidação do Cristianismo e a data se tornou oficialmente o Natal do Senhor.

Contudo, ninguém sabe ao certo a data do nascimento de Jesus. Mas o dia 25 de Dezembro foi escolhido como uma maneira de cristianizar uma festa pagã. A escolha foi feita pelo Papa Julius I (337-352) e o Imperador Justiniano em 529, a tornou um feriado.

Origem da troca de presentes no Natal

Natal vem do latim “natalis” que é derivada do verbo nascer (nāscor). Como é comemorado o nascimento de Jesus, a origem da troca de presentes nesta data tem como base a história dos Três Reis Magos.

Diz a bíblia que quando Jesus nasceu, Baltazar, Belchior e Gaspar foram visitar o bebê e levaram ouro, mirra e incenso. Seguindo a tradição e história, os cristãos têm o costume de trocar presentes nesta data.

O significado das cores do Natal

Vermelho, dourado, verde e branco são as cores tradicionais do Natal e não são por acaso. Cada uma delas tem um significado:

  • Vermelho: representa sangue de Cristo e o amor incondicional ensinado por Jesus;
  • Dourado: representa a presença do divino, luz e sol. Além disso, simboliza o ouro, que foi dado de presente por um dos Três Reis Magos;
  • Verde: símbolo de esperança, resistência e resiliência que remete ao fato de antigamente, as pessoas enfeitarem as casas com pinheiro, azevinho e hera, plantas que suportavam o Inverno;
  • Branco: representa a pureza, a inocência e a vida de Cristo ao mundo.

Símbolos do Natal

Além das cores e rituais que envolvem o Natal, há também alguns símbolos. Os mais conhecidos são:

  • Presépio: reprodução do cenário onde Jesus Cristo nasceu;
  • Estrela: diz a bíblia que ela guiou os Três Reis Magos ao local no qual Jesus nasceu;
  • Pinheiro: representa a esperança, por ser uma árvore que se mantém viva até no Inverno;
  • Coroa de advento: simboliza a espera pela chegada do senhor. Sendo que os ramos simbolizam a eternidade e a luz da vela a palavra do evangelho.

A Convenção deseja a todos os nossos clientes, fornecedores e amigos um Feliz Natal!

Siga-nos nas redes sociais: FacebookInstagram, LinkedIn e Twitter.

Refrigerantes Convenção, desde 1951, o sabor da família brasileira!

Comentários
Mostrar Comentários

Ainda não temos nenhum comentário para este artigo.
Seja o primeiro utilizando o formulário abaixo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *